04 abril 2007

Caos aéreo: qual é o plano B do governo?


Os jornais trazem diversas versões para um possível plano B do governo para por um fim no caos em que se tornou-se a aviação brasileira. O Globo diz que o governo tem um plano de emergência, que envolve convocação de gente da Aeronáutica. Seriam mil homens com treinamento em controle de vôo precário. Já a Folha diz que há um plano B que se baseia na tese de que os controladores que não se amotinaram acorreriam à convocação do governo. No Estadão o plano B do governo inclui o remanejamento de cerca de 1.500 militares que, segundo oficiais ouvidos pelo jornal, seriam capazes de atuar nessa função.

Mas afinal, é gente que não atuava no controle, gente que já está no controle ou ambos, os reservas para o caso de motim?

Tenho minha dúvidas que não seja mais um blefe. É importante lembrar que ainda não está afastada a ameaça de novo colapso. Acredito, no entanto, que os controladores, já ameaçados de prisão, não vão pagar para ver. O Estadão, ainda vai mais além, diz que os controladores preparam ações para uma nova paralisação, entre elas um pedido de baixa (demissão do serviço militar) coletivo, dos mais velhos, que reduziria o quadro em 40%. Se isso vier mesmo acontecer o caos conseguirá ser ainda pior.

O que me impressiona nesse turbilhão de informações é a impossibilidade de ter uma idéia clara do que está acontecendo, para quem lê os jornais sobre essa crise. Mas uma frase de um dos controladores pode resumir bem a quantas anda nosso sistema aéreo, é mais ou menos o seguinte: com a tensão, o clima nos Cindactas, eu, se pudesse, não pegava um avião nem a pau. É um bom conselho.

11 comentários:

luccaaciuly disse...

Querer o quê desse desgoverno.

rafael_canella disse...

Patrick, muito teu texto cara. é por isso que sempre faço questão de marcar presença no seu blog.

arnauld_stefhani disse...

Essa B do tal plano é de bosta?

Ricardo Rayol disse...

O plano B é trazer controladores americanos, pode apostar ehehehehehe

Everardo Magalhães disse...

Não consigo entender a forma despreparada que nos repassam através de notícias. Das duas, uma: ou se trata de mais um blefe ou então os responsáveis por esse descaso consideram o povo brasileiro burro (quero deixar registrado que não me considero como tal). Ora, se existe a possibilidade de se colocar em ação esse tal plano "B", por qual razão ele já não foi utilizado? O país vive essa crise há mais de seis meses. Então...

DANIEL PEARL disse...

É visível o desprezo da "Grande Mídia" para com a Semana Santa. A insensibilidade dos donos dos jornais, rádios e televisões têm contribuído ao esvaziamento da maior data da cristandade. O blog DESABAFO PAÍS descobriu que essa mesma “Imprensa” além de insensível, não é imparcial, como ela fala pelos quatro cantos do Brasil. Desde 2002, a Mídia Conservadora e PSDB, PFL, PPS e Cia. vêm tramando a queda do Lula. E agora, políticos do PSDB e PFL reuniram com o Comando dos Controladores de Vôo em Brasília, 5(cinco) dias antes do “Caos aéreo” da semana passada. Porque a grande mídia omitiu esse fato? Quem são os jornalistas empenhados em instaurar o terror no País - A legião de colaboradores do Golpe de Estado se divide em três frentes diferentes na mídia: 1) Jornalistas da grande imprensa; 2) Blogueiros e articulistas "independentes"; 3) Formadores de opinião (analistas políticos, artistas, etc...). Acesse: http://desabafopais.blogspot.com. Um abraço, Daniel Pearl.

Escorpiana Explosiva disse...

VINHO DESEJAR BOA PÁSCOA,BJO

Saramar disse...

Patrick, vim lhe desejar feliz páscoa.

beijos

DANIEL PEARL disse...

Você acredita em tudo que "Grande Mídia" escreve e transmite? Ela pode condenar as pessoas, fazendo o papel do Judiciário brasileiro? A programação de cada emissora de TVs tem respeitado a moral e os bons costumes das famílias. A imprensa é séria, imparcial e ética? O recente “apagão aéreo” enervou milhões de brasileiros, transformou-se em um sério problema de ordem política. A cobertura da imprensa foi isenta, ouviu todos os lados? E porque deixou de falar que os políticos do PSDB e PFL se encontravam com o comando de greve dos Controladores de Vôo para traçarem planos para desestabilizar o Governo Lula. Porque a mídia omitiu vários fatos, com o único de desestabilizar o Governo Federal? O que vc não ver na grande mídia, vc vai ver no DESABAFO. Acesse: http://desabafopais.blogspot.com. Um abraço, Daniel Pearl.

Anônimo disse...

MINISTÉRIO DA JUSTIÇA
GABINETE DO MINISTRO
PORTARIA Nº 1.600, DE 22 DE AGOSTO DE 2005

O MINISTRO DE ESTADO DA JUSTIÇA , no uso de suas atribuições legais, com
fulcro no artigo 10 da Lei nº. 10.559, de 13 de novembro de 2002, publicada
no Diário Oficial de 14 de novembro de 2002 e considerando o resultado do
julgamento proferido pela Primeira Câmara da Comissão de Anistia , na sessão
realizada no dia 16 de março de 2005, no Requerimento de Anistia nº
2003.01.17634, resolve:
Reconhecer a condição de anistiado político de HERMANO DE DEUS NOBRE ALVES,
concedendo-lhe as reparações econômicas, de caráter indenizatório, em
prestação única pela cassação de seu mandato de Deputado Federal e suspensão
de seus direitos políticos por 10 (dez ) anos, no valor correspondente a
300 (trezentos) salários mínimos, equivalente nesta data a R$ 90.000,00
(noventa mil reais), e em prestação mensal , permanente e continuada, pela
perda de emprego de Jornalista , no valor de R$ 14.777,50 (quatorze mil,
setecentos e setenta e sete reais e cinqüenta centavos), em substituição à
aposentadoria excepcional de anistiado político, proveniente do beneficio
do INSS nº 58/1103022854, sendo que, os efeitos financeiros retroativos
incidirão somente na diferença entre o valor concedido e o valor de R$
2.095,54 (dois mil, noventa e cinco reais e cinqüenta e quatro centavos),
que já percebe, totalizando o valor de R$ 12.681,96 (doze mil , seiscentos e
oitenta um reais e noventa e seis centavos), com efeitos retroativos de
16.03.2005 a 07.02.1992, perfazendo um total indenizável de R$ 2.160.794 ,62
(dois milhões, cento e sessenta mil, setecentos e noventa e quatro reais e
sessenta e dois centavos), nos termos do artigo 1º, incisos I e II c. e
artigos 4º, § 2º., e 19 da Lei nº 10.559, de 2002.

MÁRCIO THOMAZ BASTOS

QUEM É ESSE HERMANO?
HERMANO DE DEUS NOBRE ALVES, chefe do MLST que liderou o
"quebra-quebra" na Câmara dos Deputados !

PS: Espalhem para o maior número de brasileiros. Eles têm que saber o que o
Márcio Thomaz Bastos fez como Ministro

Walter Carrilho disse...

Plano B? dar "bolsa bicicleta" para todo mundo. Fácil, não?