28 outubro 2009

Lula veste o boné do MST - de novo

Lula vestiu novamente o boné do MST. Vestiu boné, camisa, empunhou bandeira a favor da organização. Lula foi a luta, sabem contra quem? Gilmar Mendes. Aquele que, se a esquerdopatia pudesse, defenestraria do STF. Em seu lugar colocariam outro Toffoli da vida. Aliás, sobre este último, como será que Lula avaliou seu "notável saber jurídico", exigência constitucional para um cidadão assumir a cadeira de ministro do Supremo?

Bom, voltando a Lula e Mendes. O presidente ficou irritado com uma declaração contundente do ministro - que não tem medo de falar - em que pedia a suspenção do repasse de subsídios a entidades que promovam invasões e atos de violência. De onde Mendes tirou isso? Ora, da lei. A nossa legislação determina isso. E, mais uma vez, o governo rasga as leis.

Aí Lula foi a luta. Quis desconversar. Disse que todo repasse passa por "um crivo e uma análise" dos órgãos do governo. Ah, é? Aqueles órgãos incrustados de petistas? Deve ser mesmo uma "análise" muito imparcial. E foi além, afirmou, vejam que coisa, que atos de vandalismo não precisam de recursos para serem praticados.

Será mesmo? Então, que tal fazermos esse teste. Corte-se as verbas repassadas para esses desocupados praticarem esses atos e veremos como eles sobrevivem.

Ora, o que Mendes pediu é apenas uma exigência da lei. O bom senso que Lula pede já está positivado: dinheiro público não pode servir para atos de baderna. É tão simples.

Mas anotem aí: em breve vocês veram nos noticiários mais um ato contra Mendes. Execreram-no em praça pública, por que, que coisa!, exerceu seu papel de defensor da lei.
=================
www.twitter.com/patrickgleber

5 comentários:

Anônimo disse...

Concordo com você. Lula precisa do MST e toda a sua militância para manter seu projeto de poder. É isso que ele quer, e fará tudo para manter-se nele.

Pra Lula a lei é segunda, terceira, quarta... opção. Desde que ele seja contrária ao que pensa e ao que quer, deve ser deixada de lado.

É lamentável que nosso Chefe pense dessa forma.

Anônimo disse...

Se pudesse, Lula empunharia uma foice e deceparia Gilmar.

JOÃO MELO disse...

Patrick, como é legal conhecer blogs de política que mostram e comentam fatos que para muitos são considerados normais.
Prazer em te conhecer,
Abraço,
Joaõ Melo, direto da selva!

Cleber disse...

Quero só ver o que ele será capaz de fazer até o final de seu mandato.

É capaz de tudo para não sair da presidência.

Mary disse...

Olá, Tudo bem.
Vim retribuir sua visita e deixar meu comentário.
Lula acha normal os sem-terra invadir terreno dos outros, não é!
Que coisa mais estranha, apoiar esse MST, ele só pode estar pensando nos votos de 2010.
Agradeço sua visita, seja bem-vindo.
Um abraço